FIFCA - Festival Internacional de Folclore Cultura e Artes

FIFCA - Festival Internacional de Folclore Cultura e Artes
FIFCA - Festival Internacional de Folclore Cultura e Artes

segunda-feira, janeiro 01, 2018

Confirmada a Sétima comitiva do FIFCA 2018.



Confirmada a Sétima comitiva do FIFCA 2018.

Colará - COLÔMBIA 



Chief Executive Officer: Emilia Vargas Aldana
Art Director: Alejandra Márquez Díaz



Colorá  -Emotions  in  motion-  is  a  research  group  about  worldwide  spread  of
Colombian  culture. It  counts  with  professional  artists  who  have  outstanding performance in national and international recognized competitions, not only in folkloric dance, but also in classical, contemporary, modern, urban, popular dance and rhythmic gymnastics.



Colorá performs shows full of charm, cadence, happiness, passion, seduction, technique and thrilling motions. The audience will see and feel Colombian cultural wealth merging traditional and contemporary rhythms.



With Colorá, the audience will travel to river basins of the Colombian Pacific Region, reliving ancestral forces of enslaved Africans through percussion rhythms of African and American winds singing an unique tonality full of magic and passionate love.



As well as the rhythm of the caña de millo and the indigenous gaita, the sensuality
of the adorned women with long polleras with Hispanic origin and timing movements will be shown to demonstrate Colombia is a country full of rhythmic steps and cheerful movements linking friendship, flavor, passion and joy.



The audience will be able to travel around Colombian culture, feeling its native traditions among flowers, roses and carnations. Also, they will be able to enjoy strength of women represented in Mother Nature, they will travel through Colombian Caribbean and Colombian Pacific regions where the joy of colors, the built love underneath fibers of dancing hats, the rhythm provided by palms and drums raise melodies which sounds like freedom.

********************************************************************************************************

Diretor Presidente: Emilia Vargas Aldana
Diretor de Arte: Alejandra Márquez Díaz



Colorá - Movimentos em movimento - é um grupo de pesquisa sobre disseminação mundial de Cultura colombiana. 

Contém artistas profissionais que têm um excelente desempenho em competições nacionais e internacionais reconhecidas, não só na dança folclórica, mas também em
dança clássica, contemporânea, moderna, urbana, popular e ginástica rítmica.

Colorá exibe shows cheios de charme, cadência, felicidade, paixão, sedução, técnica e
movimentos excitantes. A audiência verá e sentirá a riqueza cultural colombiana se fundindo tradicional e ritmos contemporâneos.



Com o Colorá, o público viajará para as bacias hidrográficas da região do Pacífico colombiano, revivendo forças ancestrais de africanos escravizados através de ritmos de percussão de ventos africanos e americanos cantando uma tonalidade única, cheia de amor mágico e apaixonado.



Além do ritmo da caña de millo e da gaita indígena, a sensualidade das mulheres adornadas com longas polleras com origem hispânica e movimentos temporais mostrarão que a Colômbia é um país cheio de passos rítmicos e movimentos alegres que ligam amizade, sabor, paixão e alegria.



O público poderá viajar em torno da cultura colombiana, sentindo suas tradições nativas entre flores, rosas e cravos. Além disso, eles poderão desfrutar da força das mulheres representadas em Mãe Natureza, viajarão pelas regiões do Caribe colombiano e do Pacífico colombiano, onde a alegria das cores, o amor construído debaixo das fibras dos chapéus de dança, o ritmo oferecido pelas palmeiras e os tambores levantam melodias que parecem liberdade.



                                         
















segunda-feira, dezembro 25, 2017

Confirmada a Sexta comitiva do FIFCA 2018.

Confirmada a Sexta comitiva do FIFCA 2018.


PRESENTATION OF THE COMPANY «KPALUM DANCE YAYA 

República dos Camarões»






Camarões, oficialmente a República dos Camarões ou ainda República do Cameroun (francês: République du Cameroun), é um país da região ocidental da África Central. Faz fronteira com a Nigéria a oeste; Chade a nordeste; República Centro-Africana a leste; e Guiné Equatorial, Gabão e República do Congo, ao sul. O litoral dos Camarões encontra-se no Golfo do Biafra, parte do Golfo da Guiné e do Oceano Atlântico. O país é muitas vezes referida como "África em miniatura ", pela sua diversidade geológica e cultural. Recursos naturais incluem praias, desertos, montanhas, florestas tropicais e savanas. O ponto mais alto é o Monte Camarões no sudoeste, e as cidades mais populosas são Douala, a capital Iaundé (em francês, Yaoundé) e Garoua. Camarões é o lar de mais de 200 grupos linguísticos diferentes. O país é conhecido por seus estilos musicais nativos, especialmente makossa e bikutsi, e pela sua bem-sucedida seleção nacional de futebol. Francês e inglês são as línguas oficiais.

Os antigos habitantes do território incluem a civilização Sao em torno do Lago Chade e os caçadores-coletores Baka nas florestas tropicais do sudeste. Exploradores portugueses chegaram ao litoral no século XV e nomearam a área de Rio dos Camarões, que se tornou Cameroon em Inglês. Os soldados Fulani fundaram o Emirado Adamawa, no norte, durante o século XIX, e vários grupos étnicos do oeste e noroeste estabeleceram tribos poderosas e fondoms. Camarões foi elevado à categoria de colônia alemã em 1884 conhecido como "Kamerun" .

Após a Primeira Guerra Mundial, o território foi dividido entre a França e a Grã-Bretanha como mandatos da Liga das Nações. A Union des Populations du Cameroun (UPC) é um partido político que defendeu a independência, mas o partido foi proibido pela França em 1950. O país travou uma guerra contra as forças militantes franceses e da UPC até 1971. Em 1960, a parte dos Camarões administrada pelos franceses tornou-se independente como a República dos Camarões sob a presidência de Ahmadou Ahidjo. A parte sul dos Camarões Britânicos fundiu-se com o Camarões francês em 1961 para formar a República Federal dos Camarões. O país foi renomeado República Unida dos Camarões em 1972 e a República dos Camarões, em 1984.

Em comparação com outros países africanos, Camarões goza de estabilidade política e social relativamente alta. Isso permitiu o desenvolvimento da agricultura, estradas, ferrovias e grandes indústrias de petróleo e madeira. No entanto, um grande número de camaroneses vivem na pobreza como agricultores de subsistência. O poder está firmemente nas mãos do presidente autoritário a partir de 1982, Paul Biya, e do Movimento Democrático Popular dos Camarões. Os territórios anglófonos dos Camarões têm crescido cada vez mais alienado do governo, e os políticos daquelas regiões têm chamado para uma maior descentralização e mesmo a separação (por exemplo, o Conselho Nacional de Camarões do Sul) dos antigos territórios governados pelos britânicos.

   Founded in 1970 by the notable NSANGOU of "DAKUNA de FONTAINE",is a ballet company         composed of more than 110 artists from different backgrounds.

    Based in FOUMBAN, KPALUM DANCE YAYA, from their creation in 1970, is involved in the          training of young people in dance, singing and Of percussion. 
    The ambition is to give a new breath to the art of the Cameroonian spectacle, through an artistic          approach more ancient, more  Open and more "refined".

One of the first private ballet groups in Cameroon, this "Ballet-academique",
since its birth, through its artistic works, has constantly reconsidered the
traditional Cameroonian art, with at the side, the most antediluvian
techniques of Assembly of shows.
For "Kpalum dance yaya", universalization is nothing but a call
For participation by all peoples. The presence of each people in this
rendezvous will depend to a large extent on their ability to revive their most
relevant traditions, through the strengthening of the past, the construction of
the present and the projection of a future capable of releasing new ones
Creative forces and more streamlined.
It is in this spirit that since 1984, the "kpalum dance yaya"
The opening of its artistic actions to the other cultures of the world, remains
determined to:

Defend the Cameroonian and African cultural identity;
Preserving and enhancing the cultural and artistic heritage of Cameroon and
Africa;

To promote and disseminate the Cameroonian and African show;
Several successful cruises to its capital in Central, West and Central Africa
Europe.

1975: first national tour;
1984: tour in Nigeria;
1989: tour in Gabon;
2000: participation in the African Performing Arts Market in Abidjan
(MASA);
2002: cultural group selected for the Cup of Nations in Mali near the
indomitable lions of Cameroon;
2005: second national tour (three months);
2010: participation in the festival of "FIMAC" at the reunification stage of the
Yaounde Cameroon
11 August 2012 invited to the Independence Day of Chad among the
African troops.
On June 10th, 12th and 16th, 2015, participation of the troop in an
awareness campaign on the VIRUS EBOLA in the region of South
Cameroon;
August 26, 2015, participation of the troop in the contest STARS
VACANCES in the palace of the people;
From 10 to 15 December 2015, participation in FERIDAM in Benin.
On December 22, 2015, winner of the second prize of the sixth edition of
the contest called CAMEROON AND ITS RHYTHMS.
ADMINISTRATION OF THE COMPANY Kpalum DANCE
Yaya

The company "Kpalum DANCE Yaya of Cameroon": traditional African
dance group of Cameroon is a non-profit association with legal personality and
management autonomy governed by a convention and an organic text,
administered by its own bodies, which are:
• The General Management: a body of proposal, execution and follow-up.
• The national artistic committee: an expert and advisory body.
• A manager: a physical and moral person the pioneer.
1. Prince Isacc yamakue the great


TECHNICAL DIRECTOR
Born in 1980 in the department of Nun region of the western republic of
Cameroon, he joined the KPALUM DANCE YAYA in 2000, and left for three
years in Europe for training. With twenty-five years of experience acquired
with KPALUM DANCE, he was recruited in 2005 for the selection of the famous
National Ballet of Cameroon









quarta-feira, novembro 15, 2017

Confirmada a Quinta comitiva do FIFCA 2018.

Amankay Mosquera Colombia

Colômbia - O grupo Amankay da Escola de Treinamento de Dança do Município de Mosquera, liderado por Ana Maria Angel.

Foi formalmente fundado em 2012, apenas mulheres, desenvolveu um processo de recolhas treinamento em Dança Folclórica Nacional tornando-se um grupo de Circulação, hoje em dia é formado por 22 bailarinas, 4 homens e 18 mulheres, com quem procura se tornar uma das melhores empresas adultas em todo o país e mostrar um trabalho de projeção folclórica dentro e fora do país.


                             



















Confirmada a Quarta comitiva do FIFCA 2018.


México - Compañía Folklórica OCHPANTL liderado por Ana Isabel Valdez Dolores.
Proveniente de Coyoacan City of Mexico - Coyacán é um dos 16 distritos da Cidade do México, situando-se na parte central da cidade. Possui uma população de 620.416 habitantes distribuídos em uma área de 54,4 km² que correspondem à 3,6% do território da capital do país.
Terra Natal de Frida Kahlo (1907-1954) uma pintora mexicana conhecida por seus autorretratos de inspiração surrealista e também por suas fotografias ...
Inicia en 1997, dentro de la Casa de cultura Ricardo
Flores Magón en la delegación Coyoacán. Por la que ahora es nuestra directora artística la Lic. Ana Isabel Valdez y su madre Sofía Dolores Gutiérrez, para dar a conocer las danzas y bailes tradicionales de México.


 México - Compañía Folklórica OCHPANTL liderado por Ana Isabel Valdez Dolores.










terça-feira, outubro 17, 2017

Confirmada a Terceira comitiva do FIFCA 2018

                                       Confirmada a Terceira comitiva do FIFCA 2018




Dance School "Estreia" Sofia, foi criada em 2002 no centro comunitário Nikola Yonkov Vaptsarov-Ovcha Kupel de Rumyana Katsarova - formada pela Escola Nacional de Dança de Sófia e longa solista do Ensemble do Exército Búlgaro.



O repertório de balé existe de danças de todos os gêneros de dança, balé moderno, dança de personagem, hip-hop e dança de rua, dança contemporânea e dança folclórica búlgara.



A partir de 1º de novembro de 2005, o balé "Estrella" realiza seus ensaios na segunda escola "Akademik Emilian Stanev" e participa de todos os concertos escolares e Vitosha.



O diretor artístico é R. Katsarova começou sua carreira de dança no "pulso de Rosna", em uma das melhores pedagogias-coreografia de crianças.  



Petar Grigorov mais tarde se formou na Escola Nacional de Dança de Sofiya.Utilizou com esta dança em um dos artistas proeminentes Cyril Haralampiev ensemble "Mayakovsky".
Em conjunto do exército búlgaro, é formado como um dançarino profissional versátil e mais tarde como coreógrafo.



12 anos, chefe coreógrafo do balé "Estrella" é Vladislav Katsarova.
Por causa de sua infinita força criativa e habilidades pedagógicas, o ballet chega a altas crianças novas.



Obichta estético em torno do balé e dá força neste trabalho cansativo, estressante e responsável.
O coreógrafo Emil Katzarov que trabalha principalmente no gênero hip-hop e freestyle, mas não há dança que não ganhou uma medalha de ouro.





Será definido como uma fonte de izkyuchitelno original original coreográfico. O artista Kato dá tudo e é um exemplo maravilhoso para seus dançarinos.


Kiril Manoylov, entrando no ballet, manifesta-se não só como um dançarino maravilhoso, mas também como um excelente professor, primeiro assistente do diretor artístico em danças e especialmente no bantín tansi búlgaro.

A Lagogarenie de seu balé "Estrella" pode ser chamada com segurança da formação de dança.



Assistentes coreógrafos e treinadores são Alexandra Ankova e Kaloyan Petrov.Umenieto para trabalhar com crianças, os amam e respeitam colegas.



Com cada ano, o número de dançarinos ballet uvelichava.
Detsata foi formado em grupos etários e é ministrado por especialistas qualificados em todos os gêneros de dança.
Este é um grande desafio para crianças e professores-coreógrafos.



Em breve, os sucessos que reconhecem a imaginação coreográfica e o trabalho duro com as crianças e os jovens.
 

Acima de tudo é o desejo dos dançarinos experimentar a magia da dança e da coreografia para transmitir uma mensagem aos líderes.



Nenhum concerto no país e no exterior onde o balé "Estrella" não recebeu medalhas.

Nos últimos anos, as escolas de balé abriram 19 escolas "Elin Pelin" "149" Ivan Pickles "26 Escola secundária" Jordan Yovkov "45 escola" Konstantin Velichkov "25 PS" Dr. Petar Beron "em vez de ano e no National High Escola 142 Escola "Veselin Hanchev" centro comunitário "Gradishte" Svoge. Escolas de Ballet "Estrella" tem um jardim de infância-jardim de infância 60, 72 Jardim de infância e jardim de infância "Sredets".

Atualmente, 650 crianças e jovens frequentam as escolas de balé e dança.
O segredo do sucesso é enorme vseotdadenost e ambição dos gerentes e sua energia ilimitada e idéias criativas.
https://www.facebook.com/pg/Dance-School-Estreia-Sofia-190994356553/photos/?ref=page_internal

A Directora Técnica e coreógrafa do balé "Estrella" á 12 anos é  Vlady Katsarova-Manoylova.